Bacalhau da Noruega, o ingrediente oficial do “Chef Cozinheiro do Ano de 2013”

Bacalhau da Noruega, o ingrediente oficial do “Chef Cozinheiro do Ano de 2013”

Reconhecido pelos melhores profissionais da nossa gastronomia como o melhor ingrediente para usar em desafios culinários mais exigentes, o Bacalhau da Noruega foi a proteína escolhida para o prato de peixe na competição “Chef Cozinheiro do Ano de 2013”.

Uma competição apoiada pela Norge, que vai já na 24ª edição e onde um painel de chefs nacionais e internacionais de renome: Nuno Mendes, chefe de cozinha do restaurante londrino Viajante, José Avillez do restaurante Belcanto, Matteo Ferrantino do Vila Joya, Paulo Pinto do Hotel Real Vila Itália e capitão da Equipa Olímpica de Culinária Sénior e Helmut Ziebell, avaliaram o menu dos 8 finalistas escolhidos entre todos os participantes com um mínimo de 5 anos de experiência como chefs.

Cada concorrente teve 6 horas para confeccionar um menu composto por entrada, prato de peixe, prato de carne e sobremesa.

Este ano o título de Chef Cozinheiro do Ano foi ganho por André Silva, Sub-Chef da Casa da Calçada Relais & Chateau, que tinha no seu menu um “Bacalhau Universal do Mestre João Ribeiro numa nova visão”. Habituado a estas andanças, André Silva venceu em 2010 a 6ª edição da Revolta do Bacalhau.

“É fantástico revermos o vencedor da Revolta do Bacalhau três anos depois, agora como vencedor do Concurso Cozinheiro do Ano. Especialmente porque este é um ano especial, o primeiro em que o Bacalhau da Noruega faz parte do menu do concurso”. - Christian Bue Nordhal, representante da Norge em Portugal.